10.1.08

ETAP - Escola Profissional visita à I Feira do Mel do Alto Minho


A ETAP - Escola Profissional, pólo de Vila Nova de Cerveira, visitou a I Feira do Mel do Alto Minho, promovida pela Associação de Apicultores entre o Minho e Lima (APIMIL) e com o apoio da autarquia cerveirense.


Com a preocupação de sensibilizar as camadas mais jovens da população para as questões relacionadas com a apicultura, foram pensadas algumas iniciativas lúdicas: visitas guiadas aos expositores, ao circuito do mel e a actividades de educação ambiental.


O certame englobou também conferências temáticas com diversos oradores que para além de promoverem o mel enquanto produto de excelência da região, procuraram também contribuir para a implementação de estratégias de sustentabilidade do meio ambiente e desenvolver parcerias com as demais entidades actuantes neste sector.

5 comentários:

Barreto disse...

Às vezes tenho a impressão de estar num constante monólogo ao visitar este espaço... Porém, cá vai a minha opinião sobre o "post": quem nos dera ter aqui na Região uma feira do género, até porque se há assunto que cativa os alunos é indubitavelmente a biodiversidade, principalmente animal. Nesse particular julgo que a apicultura é um tema extremamente interessante.

Sandra Rodrigues (EB1/PE de Porto Moniz) disse...

No ano passado, julgo que entre os meses de Abril e Junho decorreu a Feira do Mel, no Centro de Ciência Viva do Porto Moniz. Sei que para o colega também não haveria de ser o local mais adequado atendendo às dificuldades em conseguir transporte mas a iniciativa foi interessante e também sei que a Associação de Apicultores da Madeira está disponível para acções de sensibilização nas escolas. Já visitaram a nossa!

Barreto disse...

Sinceramente desconhecia a realização da Feira do Mel no Centro de Ciência Viva. É verdade que o transporte é uma dificuldade; porém, a Direcção da nossa escola tem revelado extrema sensibilidade para este tipo de acções e felizmente não me posso queixar já que, quando solicitados, lá nos arranjam sempre uma brecha no orçamento.

PS: Obrigado pela informação, colega.

Antonia Mendes disse...

É bom que se faça este tipo de sensibilização aos jovens e se valorize o que temos de bom em cada região e no país.

noelia disse...

Esteticamente muito apelativo e 100%natural... parece-me! Boa.